Imposto de Renda 2021 | Saiba tudo sobre a declaração do IRPF


Est√° chegando a hora declarar o Imposto de Renda 2021 e √© normal que apare√ßam d√ļvidas sobre como declarar o IRPF, como n√£o cair na malha fina e como funciona a restitui√ß√£o do imposto de renda. Se voc√™ quer ficar em dia com a Receita Federal, informe-se neste artigo e confira as nossas dicas!

Imposto de Renda 2021

A declara√ß√£o do Imposto de Renda deve ser feita todos os anos entre os meses de mar√ßo e abril. Se voc√™ j√° est√° se preparando para a declara√ß√£o do IRPF 2021, n√≥s temos muita informa√ß√£o para compartilhar com voc√™. A Receita Federal prev√™ que sejam enviadas neste ano 32 miilh√Ķes de declara√ß√Ķes.

Caso voc√™ tenha d√ļvidas sobre como declarar o imposto de renda corretamente para n√£o cair na malha fina ou ainda sobre como funciona a restitui√ß√£o do IRPF, a seguir vamos explicar isso e muito mais sobre esse procedimento t√£o importante para os brasileiros. Vale lembrar que o contribuinte que n√£o enviar a declara√ß√£o do Imposto de Renda pode ser multado por atraso.

O que é Imposto de Renda?

O que é Imposto de Renda?

A sigla IRPF significa Imposto de Renda sobre Pessoas Físicas e é usada para identificar o tributo federal popularmente conhecido como imposto de renda, que deve ser declarado anualmente.

No geral, o imposto de renda serve para que o governo federal possa acompanhar os seus ganhos, gastos e patrim√īnios por meio da Receita Federal. Com a declara√ß√£o do IRPF, o governo analisa se os tributos que voc√™ pagou ao longo do ano est√£o de acordo com os seus ganhos e a partir disso √© poss√≠vel saber se voc√™ deve receber a restitui√ß√£o dos impostos ou pagar algum tributo a mais.

Para que serve o Imposto de Renda?

O Imposto de Renda, que também é chamado de IR, foi introduzido no Brasil em 1846, mas só passou a funcionar da forma que conhecemos hoje a partir de 1922. Se você está se perguntando para que serve o imposto de renda, não se preocupe. Vamos explicar a seguir!

A cobran√ßa desse imposto tem como objetivo arrecadar fundos para fazer melhorias na gest√£o p√ļblica e nos servi√ßos oferecidos pelos estados, munic√≠pios e governo federal. De modo geral, o Imposto de Renda deve ser pago por cada contribuinte (pessoa f√≠sica ou jur√≠dica) com o objetivo de pagar uma certa porcentagem da sua renda para o governo.

Muitas pessoas não sabem, mas o IR é retido mensalmente do salário e em outros rendimentos. Dessa forma, a declaração do Imposto de Renda anual obrigatória existe para a Receita Federal descobrir quem está pagando mais ou menos impostos que deveria.

Calend√°rio do IRPF 2021

A Receita Federal j√° divulgou calend√°rio do Imposto de Renda 2021. Dessa forma, fica confirmado o prazo para a declara√ß√£o do IRPF, que vai de 1¬ļ de mar√ßo a 30 de abril de 2021. No ano passado, o prazo foi estendido at√© o final de junho por causa da pandemia do Coronav√≠rus, mas neste ano o prazo volta a ser de dois meses.

Calendário da Restituição do IR 2021

Todos os anos, a Receita Federal informa sobre o calend√°rio de restitui√ß√Ķes do IR, que s√£o datas marcadas como lotes: 1¬ļ lote, 2¬ļ lote, 3¬ļ lote e assim por diante.

Neste ano, o pagamento da restituição do IR continuará sendo feito em cinco lotes. Sendo assim, o início da devolução está previsto para maio de 2021. A seguir vamos compartilhar o calendário da restituição de 2021 confirmado pela Receita Federal.

  • 1¬ļ lote | 31/05.
  • 2¬ļ lote | 30/06.
  • 3¬ļ lote | 30/07.
  • 4¬ļ lote | 31/08.
  • 5¬ļ lote | 30/09.
Programa Imposto de Renda | Como baixar?
Saiba mais

Quem deve declarar Imposto de Renda?

Quem deve declarar imposto de renda?

O primeiro passo é consultar se você faz parte do grupo de pessoas que obrigatoriamente deve declarar o imposto de renda. Depois, você deve se preparar para preencher corretamente a declaração e evitar problemas com a Receita Federal.

Além disso, é importante saber que se você atrasar a entrega do IRPF, você pode ter que pagar uma multa. Por isso, nós recomendamos que todos os passos sejam feitos com atenção e dentro do prazo. Confira a seguir quem deve declarar Imposto de Renda!

Veja quem precisa declarar Imposto de Renda ūüíį

A seguir vamos listar algumas situa√ß√Ķes que fazem com que voc√™ tenha que declarar o Imposto de Renda em 2021 obrigatoriamente. Vale lembrar que as informa√ß√Ķes devem considerar os ganhos do per√≠odo entre janeiro e dezembro do ano anterior, ou seja, todo o ano de 2020. Confira!

  • Renda (aluguel de im√≥veis, comiss√£o, f√©rias, pens√£o, entre outros) ou sal√°rio anual maior que R$ 28.559,70.
  • Rendimento de investimentos maior que R$ 40.000,00.
  • Renda bruta superior a R$ 142.798,50 em atividades agropecu√°rias.
  • Propriedade de bens ou posse de direitos, at√© o dia 31 de dezembro, com valor superior a R$ 300.000,00.
  • Ganho com a opera√ß√£o de venda de im√≥vel residencial.
  • Opera√ß√£o na bolsa de valores ou ganho de capital na aliena√ß√£o de bens em qualquer per√≠odo do ano.
  • Passou a ser residente no Brasil em qualquer m√™s do ano e esteve nessa condi√ß√£o at√© o √ļltimo dia do ano, ou seja, 31 de dezembro de 2020.

Imposto de Renda N√£o deixe para fazer a declara√ß√£o do imposto de renda na √ļltima hora porque voc√™ pode ser surpreendido com um sistema da Receita Federal sobrecarregado e ter dificuldade para concluir o processo. Ou seja, envie o IRPF 2021 o quanto antes e evite problemas!

MEI precisa declarar imposto de renda?

Existe uma grande d√ļvida sobre se quem √© MEI precisa fazer a declara√ß√£o do imposto de renda. Se o Microempreendedor Individual emitir todas as notas fiscais, pagar o DAS, que √© o imposto simplificado e entregar a Declara√ß√£o Anual do Simples Nacional do MEI (DASN-SIMEI), ele n√£o vai precisar fazer outra declara√ß√£o de impostos.

Porém, se a remuneração anual do empreendedor MEI chegou a R$ 40 mil no ano anterior, o mesmo vai precisar fazer a declaração de IR. Além disso, vale lembrar que quem é MEI e tem rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 também precisa declarar o Imposto de Renda.

Quem n√£o tem que declarar Imposto de Renda?

Se voc√™ acha que n√£o precisar fazer a declara√ß√£o do imposto neste ano, mas quer ter certeza disso, fique tranquilo. A seguir vamos listar algumas condi√ß√Ķes que fazem com que o contribuinte n√£o tenha que declarar o IRPF.

Veja quem n√£o precisa declarar Imposto de Renda ūüíį

Se voc√™ se encaixar em algumas das situa√ß√Ķes indicadas a seguir, isso pode significar que n√£o √© necess√°rio fazer uma declara√ß√£o de Imposto de Renda no seu nome. Confira!

  • Rendimento mensal menor que R$ 1.99,18.
  • Aposentados com mais de 65 anos e cuja a √ļnica renda seja a aposentadoria.
  • Propriedade de bens com valor total menor que R$ 300.000,00.
  • Pessoa f√≠sica dependente de outra pessoa f√≠sica que vai declarar o IRPF.

Se o contribuinte se encaixar em situa√ß√Ķes das duas listas, ou seja, de quem precisa e de quem n√£o precisa declarar IRPF, √© importante saber que o Imposto de Renda vai ter que ser declarado, j√° que nesse caso valem as condi√ß√Ķes que tornam a declara√ß√£o obrigat√≥ria.

Doenças que isentam da declaração do IRPF

Al√©m da lista compartilhada acima, tamb√©m existem outras situa√ß√Ķes que podem dispensar uma pessoa da obrigatoriedade de declarar o imposto, uma delas est√° ligada √† sa√ļde do contribuinte.

Dessa forma, a Receita Federal considera que os portadores de algumas doenças graves não têm a obrigação de entregar o IRPF.

  • Veja quais s√£o essas doen√ßas graves:

  • AIDS
  • Aliena√ß√£o Mental
  • Cardiopatia Grave
  • Cegueira (inclusive monocular)
  • Contamina√ß√£o por Radia√ß√£o
  • Doen√ßa de Paget em estados avan√ßados (Oste√≠te Deformante)
  • Doen√ßa de Parkinson
  • Esclerose M√ļltipla
  • Espondiloartrose Anquilosante
  • Fibrose C√≠stica (Mucoviscidose)
  • Hansen√≠ase
  • Nefropatia Grave
  • Hepatopatia Grave
  • Neoplasia Maligna
  • Paralisia Irrevers√≠vel e Incapacitante
  • Tuberculose Ativa

Como declarar Imposto de Renda?

Quando começa o prazo para a entrega do Imposto de Renda, o usuário deve acessar o site da Receita Feral para baixar o programa usada para o preenchimento e entrega da Declaração do Imposto de Renda. Confira 10 dicas de como declarar Imposto de Renda.

Com o programa j√° instalado no computador, o pr√≥ximo passo √© ter em m√£os todas as informa√ß√Ķes que voc√™ quer declarar para come√ßar a preencher o formul√°rio do IRPF. Depois de concluir o preenchimento de todos os campos, voc√™ vai gerar e ter acesso ao documento que comprova a declara√ß√£o do imposto de renda.

O que colocar na declaração?

No geral, voc√™ deve incluir na declara√ß√£o todos os seus ganhos e gastos do ano anterior e os seus bens. Voc√™ pode colocar na declara√ß√£o do imposto de renda gastos com educa√ß√£o, pagamento de aluguel e pens√£o, opera√ß√Ķes na bolsa de valores, despesas m√©dicas e odontol√≥gicas, assim como saque do FGTS ou indeniza√ß√Ķes.

Saiba que nem todos os gastos informados serão deduzidos do imposto de renda. Porém, vale a pena colocar tudo que você achar necessário para que o sistema avalie o que será considerado em cada caso.

Pagamento do Imposto de Renda

Ao entregrar a declaração do imposto de renda, será possível saber se o valor de impostos que você pagou é o suficiente em relação aos seus ganhos, gastos e bens. Em alguns casos, os contribuintes recebem uma restituição dos impostos pagos, mas em outros é necessário pagar a mais.

Caso você tenha que pagar mais impostos, a Receita Federal deve enviar um boleto com o valor a ser pago ou fazer a cobrança por débito automático.

Passo a passo para declarar IRPF 2021

Se voc√™ quer fazer sozinho a declara√ß√£o do Imposto de Renda de 2021, acompanhe o passo a passo que preparamos para facilitar todas as etapas do procedimento. Fa√ßa tudo com calma e aten√ß√£o e em caso de d√ļvidas volte ao nosso artigo para entregar tudo corretamente e dentro do prazo. Confira as nossas dicas a seguir!

Programa da Receita Federal

Como comentamos ao longo do texto, fazer o download do programa da Receita Federal é o primeiro passo para preencher e enviar a declaração do IRPF. Caso você já o tenha instalado de outros anos, você pode escolher entre começar a fazer uma declaração totalmente em branco ou usar os dados do imposto de renda de outros anos, o que facilita caso a sua vida financeira não tenha passado por muitas mudanças.

Outra opção é baixar o aplicativo Meu IRPF da Receita Federal no celular e fazer a declaração diretamente no seu aparelho móvel.

Documentação

Com o programa já instalado, você pode começar a se preocupar com o que vai declarar. Então, recomendamos que você comece organizando os documentos, comprovantes e outros registros de gastos e ganhos para incluir na declaração.

Os principais s√£o RG, CPF; comprovante de resid√™ncia, dados banc√°rios e informe financeiro do banco, informe de rendimentos da empresa, CPF dos dependentes, comprovantes de gastos com educa√ß√£o e sa√ļde, documentos de ve√≠culos e im√≥veis e recibos de aluguel.

Caso voc√™ seja aut√īnomo, tenha previd√™ncia privada ou tenha feito doa√ß√Ķes ser√° necess√°rio separar esses recibos tamb√©m. Vale lembrar que os documentos podem mudar de acordo com a situa√ß√£o de cada contribuinte.

Preenchimento da Declaração

Com todos os documentos organizados em m√£os, voc√™ pode come√ßar a preencher a sua declara√ß√£o do imposto de renda anual. Para essa etapa do processo, a principal dica √© fazer tudo com aten√ß√£o para que todas as informa√ß√Ķes sejam inclu√≠das corretamente e voc√™ n√£o tenha problemas com a malha fina. Preenhca o IRPF de acordo com a ordem dos dados pedidos em cada campo e n√£o deixe de pesquisar caso surjam d√ļvidas ao longo do processo.

Declaração completa ou simplificada?

Com o documento totalmente preenchido, você já pode ficar tranquilo que a parte mais complicada já passou. Agora, você deve escolher se quer entregar a declaração do imposto de renda simplificada ou completa.

A declara√ß√£o simplificada tem um desconto de 20% sobre o valor total, limitando a declara√ß√£o m√°xima a R$ 16.754,34. Essa op√ß√£o √© indicada para quem n√£o tem dependentes e gastos com educa√ß√£o, por exemplo. J√° a declara√ß√£o completa √© uma √≥tima op√ß√£o para quem tem dependentes e gastos com educa√ß√£o, sa√ļde, investimento em plano de previd√™ncia do tipo PGBL e funcion√°rios dom√©sticos.

A parte boa √© que o pr√≥prio sistema apresenta as duas op√ß√Ķes e voc√™ pode escolher qual delas √© melhor para voc√™. Ent√£o, avalie os dois caso e veja qual vai ser mais vantajoso de acordo com as dedu√ß√Ķes aplicadas.

Envio da declaração do IRPF 2021

Se voc√™ chegou at√© aqui, imaginamos que voc√™ j√° tem o programa no computador, organizou a documenta√ß√£o do IRPF, preencheu a declara√ß√£o e escolheu entre declara√ß√£o simplificada e completa. Dessa forma, voc√™ chegou ao √ļltimo passo e est√° muito perto de concluir o envio do Imposto de Renda 2021.

Aproveite esse momento para revisar as informa√ß√Ķes e ter certeza de que n√£o esqueceu de incluir nada no sistema. Quando estiver seguro de que tudo correto, envia a declara√ß√£o. Em seguida, voc√™ vai gerar o documento que comprava a sua declara√ß√£o do IRPF. Voc√™ pode salvar ou imprimir o arquivo, de acordo com a sua prefer√™ncia. Pronto! Agora voc√™ j√° est√° com o seu compromisso com a Receita Federal feito. Em caso de restitui√ß√£o, consulte as datas de pagamento.

Auxílio emergencial no Imposto de Renda

Se você recebeu o auxílio emergencial e não sabe se precisa declarar o imposto de renda, nós temos a resposta. A Receita Federal informou, no dia 25 de fevereiro, que os contribuintes que receberam o auxílio emergencial liberado por causa da pandemia da Covid-19 são obrigados a declarar o Imposto de Renda da Pessoa Física apenas se, junto com o auxílio, eles receberam outros rendimentos tributáveis que ultrapassem o valor anual de R$ 22.847,76.

Al√©m disso, ficou decidido que o contribuinte que apresentar rendimento maior que R$ 22.847,76 ter√° que devolver o aux√≠lio emergencial. Dessa forma, a Receita Federal prev√™ que cerca de tr√™s milh√Ķes de declara√ß√Ķes fa√ßam algum tipo de devolu√ß√£o neste ano.

DARF | Imposto de Renda

O Documento de Arrecada√ß√£o de Receitas Federais (DARF) √© um documento para arrecada√ß√£o de impostos e que gera muitas d√ļvidas no momento de declarar o imposto de renda.

Os impostos que podem ser pagos pelo DARF: Imposto de Renda de Pessoa Jur√≠dica (IRPJ), Imposto de Renda de Pessoa F√≠sica (IRPF), Programa de Integra√ß√£o Social (PIS), Imposto sobre Opera√ß√Ķes Financeiras (IOF), Contribui√ß√£o Social sobre o Lucro L√≠quido (CSLL) e Contribui√ß√£o para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS).

Se o cidadão mantiver o pagamento do DARF em dia, só será preciso comprovar esses pagamentos no momento da declaração do Imposto de Renda.

Como pagar o DARF do Imposto de Renda?

Existem DARFs emitidos com e sem c√≥digo de barras e, por isso, o pagamento √© realizado de maneira diferente. O DARF sem c√≥digo de barras pode ser pago pelo Internet Banking de alguns bancos, na op√ß√£o de ‚ÄúPagamentos‚ÄĚ, ‚ÄúPagamentos de Tributos‚ÄĚ ou ‚ÄúPagamentos sem c√≥digos de barras‚ÄĚ.

Nesse caso, basta preencher as informa√ß√Ķes que constam no PDF gerado sem o c√≥digo de barras e realizar o pagamento. Se preferir, pode realizar o pagamento em caixas eletr√īnicos usando a op√ß√£o ‚ÄúPagamentos‚ÄĚ ou ‚ÄúTributos‚ÄĚ.

O que é Carnê-Leão?

O Carn√™-Le√£o funciona como um livro-caixa da pessoa f√≠sica que armazena as movimenta√ß√Ķes financeiras e √© usador para gerar o DARF. Dessa forma, todas as receitas e despesas ficam registradas para o profissional prestar a declara√ß√£o dos impostos no futuro. As profiss√Ķes que mais utilizam esse recurso s√£o: dentistas, psic√≥logos, m√©dicos, engenheiros e corretores.

De acordo com informa√ß√Ķes da Receita Federal, a partir deste ano n√£o ser√° mais necess√°rio baixar o programa ou aplicativo para celular do Carn√™-Le√£o para registrar os rendimentos e gerar o DARF. Isso porque o Sistema de Recolhimento Mensal Obrigat√≥rio (Carn√™-Le√£o) estar√° dispon√≠vel para utiliza√ß√£o online j√° para o ano-calend√°rio 2021.

A receita ainda ressalta que são obrigados ao recolhimento mensal os contribuintes pessoas físicas, residentes no Brasil, que receberam rendimentos de outra pessoa física ou do exterior.

Quem tem direito à restituição do Imposto de Renda?

A restituição do Imposto de Renda é um valor devolvido para o contribuinte que pagou tributos a mais para a Receita Federal. Sendo assim, esse valor só é pago para os cidadãos que entregam a declaração do Imposto de Renda e que podem comprovar a existência de um saldo a ser recebido por meio dos documentos e informes que foram incluídos na declaração do IRPF.

Se você quer saber se vai receber a restituição do imposto de renda, saiba que é possível consultar a restituição pelo site da Receita Federal.

FAQ Imposto de Renda - Perguntas frequentes

ūü§Ē O que √© Imposto de Renda?

O Imposto de Renda sobre Pessoas F√≠sicas (IRPF), mais conhecido como Imposto de Renda, √© um tributo federal que acompanha os gastos e ganhos dos brasileiros. Dessa forma, a Receita Federal analisa a declara√ß√£o do imposto para saber se os impostos pagos no ano est√£o de acordo com os ganhos, pagamentos e patrim√īnios do declarante.

ūüĒé Quem deve declarar Imposto de Renda?

Devem declarar o imposto de renda pessoas com rendimento anual que ultrapasam R$ 28.559,70. Assim como quem tem rendimentos isentos que somam mais de R$ 40 mil em pagamento de dividendos de empresas ou de retorno de fundo imobili√°rio e quem tem receita bruta a R$ 142.798,50.

‚Ěď Quem √© MEI precisa declarar Imposto de Renda?

Se o MEI emitir todas as notas fiscais, pagar o DAS (imposto simplificado) e realizar a Declaração Anual do Simples Nacional do MEI (DASN-SIMEI), ele não precisa fazer outra declaração. Mas se o empreendedor MEI recebeu R$ 40 mil de remuneração no ano anterior, ele vai precisar fazer a declaração de IR. Além disso, quem é MEI e recebe rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 também precisa declarar o IRPF.

ūüíį Quem tem direito √† restitui√ß√£o do Imposto de Renda?

A restitui√ß√£o do Imposto de Renda √© o valor devolvido para o contribuinte que pagou tributos a mais para a Receita Federal. Esse valor s√≥ √© pago para os cidad√£os que fazem a declara√ß√£o do Imposto de Renda e comprovam que existe um saldo a ser recebido atrav√©s dos documentos e informes inclu√≠dos na declara√ß√£o. √Č poss√≠vel consultar se voc√™ vai receber a restitui√ß√£o atrav√©s de um site espec√≠fico da Receita Federal, veja aqui.

ūü¶Ā O que √© Carn√™-Le√£o?

O Carn√™-Le√£o √© um livro-caixa para pessoa f√≠sica que tem o objetivo de registras as movimenta√ß√Ķes financeiras do dia a dia. Dessa forma, todas as receitas e despesas ficam registradas para o profissional prestar a declara√ß√£o dos impostos com o Carn√™-Le√£o. As profiss√Ķes que mais usam esse recurso s√£o: dentistas, psic√≥logos, m√©dicos, engenheiros e corretores.

ūüíł Quem recebeu aux√≠lio emergencial precisa declarar imposto de renda?

Segundo informa√ß√Ķes da Receita Federal, os contribuintes que receberam o aux√≠lio emergencial em 2020 s√£o obrigados a declarar o Imposto de Renda da Pessoa F√≠sica caso tenham recebido outros rendimentos tribut√°veis com valor anual superior a R$ 22.847,76 junto com o aux√≠lio. Tamb√©m foi anunciado que o cidad√£o que declarar rendimento maior que R$ 22.847,76 vai precisar devolver o valor recebido pelo aux√≠lio emergencial.

Selectra Seguros

Saiba mais sobre Finanças na Selectra!
Informa√ß√Ķes e dicas sobre investimento e finan√ßas de um jeito simples para voc√™!

Aproveite para ler outros artigos sobre finanças, investimentos e empréstimos!